Alta de 6.000%: conheça as criptomoedas que mais se valorizaram em 2021

Alta de 6.000%: conheça as criptomoedas que mais se valorizaram em 2021

criptomoedas estão surfando um momento de alta, com os ativos caindo cada vez mais no gosto dos investidores. A moeda mais tradicional do setor, o bitcoin, já subiu 91% no acumulado do ano.

Quem tomou os holofotes nos últimos dias, no entanto, foi a dogecoin. Criada como uma sátira ao mercado de criptoativos, a moeda registra uma alta acumulada de mais de 6.000% em 2021 — subindo quase 500% apenas na última semana.

Elon Musk, fundador da Tesla, é um dos principais responsáveis pela alta recenda da moeda. Musk tem declarado apoio à criptomoeda desde pelo menos 2019, mas foi no final do ano passado que começou a fazer isso com maior frequência em suas redes sociais e, a cada mensagem do fundador da Tesla, o preço da criptomoeda subia.

Para além do fenômeno dogecoin, o mercado de criptomoedas também foi estimulado por uma outra grande notícia no mercado de cripto na última semana: a abertura de capital da Coinbase. A maior corretora de criptoativos dos Estados Unidos estreou na Nasdaq na última quarta-feira, e chegou a atingir 100 bilhões de dólares em valor de mercado na máxima do dia.

A política monetária do Fed (Federal Reserve, banco central americano) também tem sido importante para as criptomoedas. Isso porque a promessa em manter as taxas de juros próximas de zero empurra investidores para opções mais arriscadas, como os criptoativos.

Conheça abaixo as 5 criptomoedas que mais se valorizaram em 2021 até o momento:

  1. Dogecoin, com valorização anual acumulada de 6.459% 
  2. BitTorrent, com 2.685% de alta em 2021
  3. Solana, com alta acumulada de 1.749% no ano
  4. Binance Coin, com valorização anual acumulada de 1.169% 
  5. VeChain, com 1.111% de alta em 2021

*Dados retirados da plataforma Investing

Sr Administrador

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *