Melhores bancos do Brasil: os 15 melhores bancos nacionais

Atualmente, o mundo enfrenta sérios problemas causados ​​pela epidemia. Dessa forma, a revista Forbes listou os melhores bancos do Brasil e do mundo com base nos anos críticos para o sistema bancário da época.

Nesse sentido, o Brasil entrou na lista como um dos 28 países citados, com um total de 15 instituições financeiras. Em comparação com o ano passado, 10 instituições de nível nacional entraram na lista.

A empresa responsável pela pesquisa é a empresa de estatísticas alemã Statista. Por isso, mais de 500 bancos foram analisados ​​para escolher o melhor. Assim, segundo a própria revista, o relatório é diferente dos 100 maiores bancos de capital aberto dos Estados Unidos. Afinal, as avaliações são baseadas em balanços e demonstrações de resultados.

Nesse sentido, o relatório do Best Banks entrevistou cerca de 43.000 pessoas sobre suas opiniões sobre seu relacionamento com a instituição.

Dessa forma, para a formação da lista, foram considerados critérios como a satisfação do usuário em relação à confiança, taxas, serviços digitais e consultoria. Assim, os melhores bancos do Brasil são classificados conforme a média de todos esses critérios.

Bancos Brasileiros

Primeiro, o Nubank lidera a lista dos melhores bancos do Brasil pelo terceiro ano consecutivo desde sua inauguração em 2019.
Anteriormente, em janeiro, o banco levantou US$ 400 milhões em sua sétima rodada de financiamento. Como resultado, esse negócio posiciona o Nubank como uma das cinco maiores instituições financeiras de toda a América Latina.
Por outro lado, também há novidades na lista, como o C6 Bank, que ocupa o terceiro lugar entre os melhores bancos do Brasil, reforçando ainda mais o enorme potencial do banco digital.
No entanto, pela primeira vez, outros bancos tradicionais de menor desempenho, como Sicredi, BMG, Banrisul e Sicoob, também garantiram a posição pela primeira vez. Com isso, o Banco Inter mantém sua vice-liderança e o PagBank ocupa a quarta posição.
O banco Neon, por outro lado, perdeu duas vagas e terminou em quinto. Grandes bancos tradicionais como Itaú Unibanco, Bradesco e Santander também têm lugar na lista dos melhores bancos do Brasil, mas perderam duas posições cada.
economia mundial
Melhores bancos do Brasil: os 15 melhores bancos nacionais de 2021
Jornal do Comércio
CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

A economia mundial, sem dúvida, interfere diretamente na economia brasileira e, consequentemente, nos bancos nacionais. Apesar de que a situação pandêmica ainda traz muita instabilidade e incerteza, alguns países estão voltando a ter fôlego para retomar o cenário econômico.
Assim, a economia global está preparada para esse grande retorno, liderada principalmente pelos EUA. Afinal, o PIB local deve crescer por volta de 5%. Dessa forma, o desemprego está caindo, com a criação de quase 1 milhão de empregos.
Então, os consumidores estão começando a voltar a comprar, e os mercados de ações e transações imobiliárias, por exemplo, estão crescendo. Isso movimenta a economia no geral, incluindo a dos bancos brasileiros, principalmente os bancos nacionais digitais, que comumente apresentam taxas menores e muitas vezes gratuitas.
Além disso, a facilidade de se fazer transações a qualquer momento sem precisar se deslocar, ou sair de casa, é outra grande vantagem.
15 Melhores Bancos do Brasil


FINPAVI
Os 15 melhores bancos brasileiros de acordo com os clientes são:
  1. Nubank;
  2. Banco Inter;
  3. C6 Bank;
  4. PagSeguro;
  5. Neon;
  6. Next;
  7. Sicredi;
  8. Itaú;
  9. Banco BMG;
  10. Caixa;
  11. Santander;
  12. Bradesco;
  13. Banco Original;
  14. Sicoob;
  15. Banrisul.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.